Itabira

  • Cidade do Ferro
  • 116.745 Habitantes

Localizada no centro sul de Minas Gerais, Itabira é muito conhecida por "Cidade do Ferro" por ter sido local de origem da Companhia Vale do Rio Doce, em 1942. Terra natal do poeta Carlos Drummond de Andrade, a cidade também é citada como "Cidade da Poesia".

A cerca de 100 km de Belo Horizonte, o município resguarda a Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço. Reconhecida pela UNESCO, a reserva é uma importante área de proteção do Brasil que passou a integrar uma rede de mais de 400 reservas de biosfera em 100 países.

Eventos e espaços culturais como o Memorial Carlos Drummond de Andrade, desenhado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a Casa de Drummond e a Fazenda do Pontal fazem parte dos atrativos turísticos que recordam vida e obra do poeta. Os Caminhos Drummondianos são um percurso interpretativo que levam o turista a traçar um percurso cheio de poesia.

Cachoeiras, trilhas, morros e até uma rampa de voo livre fazem parte das atrações da cidade, proporcionando, além de um contato direto com a natureza, a prática de esportes radicais.

Itabira ainda reserva um belíssimo conjunto arquitetônico, marcado por construções dos séculos 18 e 19, como a Capela de São José.

Memorial Carlos Drummond de Andrade
Compartilhe esta página:

ATRATIVOS

Memorial Carlos Drummond de Andrade

No alto do pico do amor, local imortalizado pelos versos de "Ausência" "Subir ao Pico do Amor / e lá em cima / sentir presença de amor" o memorial, projetado por Oscar Niemeyer, destaca-se pela sua beleza forma e pelo acervo que guarda.

Pico do Amor

O Pico do Amor está localizado em uma região bastante elevada de Itabira, de onde se tem uma visão panorâmica da Cidade. No local acontecem diversas apresentações culturais.

Faz parte do Museu de Território Caminhos Drummondianos com placa-poema Ausência. Localizado no Bairro Campestre e a 2 a 3 Km do centro de Itabira. 

Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço

Reserva da Biosfera é o nome dado a porções de ecossistemas terrestres ou costeiros onde se procuram meios de reconciliar a conservação da biodiversidade com seu uso sustentável.

As propostas são feitas por países membros da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), e se aprovadas são reconhecidas internacionalmente.

A origem das reservas esteve na “Conferência sobre a Biosfera” organizada pela Unesco em 1968, que foi a primeira reunião intergovernamental a tentar reconciliar a conservação e o uso dos recursos naturais, fundando o conceito presente de desenvolvimento sustentável.

O programa “Homem e Biosfera” foi lançado pela Unesco em 1970, com o objetivo de organizar uma rede de áreas protegidas (Reservas da Biosfera) que representam os diferentes ecossistemas do globo, e cujos países membros se responsabilizam em mantê-las e desenvolvê-las.
Mais

dicas

Itabira se destaca por ser um importante polo minerado do Estado, entretanto, são inúmeras as atrações turísticas presentes no município, como, a Serra dos Alves. No mirante, os visitantes têm uma maravilhosa vista de toda região, excelente para fotografias.

Outro atrativo é o Museu Carlos Drummond de Andrade, inaugurado em 31 de outubro de 1998, o Memorial conta a história do maior poeta do Brasil. Está localizado em um dos pontos mais altos de Itabira, de onde se tem uma visão privilegiada de toda cidade. Com o projeto desenvolvido por Oscar Niemeyer, grande amigo do poeta, o Memorial por si só já é uma obra de arte que merece ser visitada.

Além disso, ele abriga um grande acervo sobre a vida de Drummond, doados pela Fundação Cultural do Banco do Brasil, pela biblioteca da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade, familiares e amigos. Fazem parte do acervo a primeira máquina de datilografia do poeta-cronista, uma coleção de cartas, recebidas de grandes autores e familiares, prêmios literários e obras de arte feitas em sua homenagem.

Além disso, o centro histórico de Itabira, formado por lindos casarões e sobrados do século 18 e 19, tem um diferencial em relação aos de outras cidades, pois suas formas construtivas são sobre embasamentos de pedras e baldrames com vedação em pau-a-pique e adobe.

serviços

Prefeitura
(31) 3839-2000

Secretário de Turismo
(31) 3839-2525 / (31) 3839-2310

Site
www.itabira.mg.gov.br